A voz e a poesia de LEONARD COHEN


You Want It Darker é o nome do álbum do cantor e poeta canadiano Leonard Cohen, que ouço neste momento. Este disco, o décimo quarto em estúdio e que chega depois de Popular Problems (2014), é o último capítulo da grande contribuição de Leonard Cohen para a música contemporânea.
“If I didn’t have your love”, “Traveling light”, “It seemed the better way” ou “You want it darker” são alguns dos nove temas que fazem parte do novo trabalho produzido com o filho do cantor — Adam Cohen —, e que mostra o Cohen clássico.
Leonard Cohen publicou o seu primeiro álbum aos 33 anos Songs of Leonard Cohen (1967 ao qual se seguiram outros tão emblematicos como Songs of love and hate (1971), Various positions (1984) e I’m your man (1988).

Kommentare

  1. Um excelente compositor e cantor.

    AntwortenLöschen
  2. O bardo canadiano que nos deixou memórias que o tempo nunca apagará.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. O bardo canadiano era radicalmente inactual, logo intemporal.

      Löschen
  3. Só conheci Cohen nos anos oitenta, trazido por mão fraterna, dado como certeza, "gostas". Portanto, se chega, nunca ele é ele só, o que já seria bastante. Mas está bem acompanhado.

    AntwortenLöschen
  4. Não costumo comprar discos de música não erudita, mas por vezes ouço grandes cantores e de facto Cohen desde a minha juventude que fui sendo marcado pela suas letras e composições, este álbum, cujo conteúdo conheço, mas não tenho é impressionante e uma autoentrega nos braços do destino e é uma magnífica despedida

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Leonard Cohen começou como romancista.
      É como poeta e depois como músico que se vai consagrar.

      O último trabalho é a Missa de Réquiem do irmão Leonard Cohen.

      Löschen
  5. O mundo da música sem Leonard Cohen, não era a mesma coisa.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Leonard Cohen inspirou gerações e deixa uma obra ímpar.

      Löschen
  6. Espero ser assim, entregar-me pacífica à escuridão. Leonard Cohen diz a seu modo um "faça-se em mim segundo a tua vontade".

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. "Estou pronto para morrer. Espero que não seja demasiado desconfortável".

      Não acredito, entregar-me pacífica à escuridão. Morte é para mim, algo desconhecido e desconfortável.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen