Posts

Es werden Posts vom Oktober, 2011 angezeigt.

Dia das bruxas

Bild
A Abóbora do Dia das Bruxas ficou agora mesmo pronta. Com caretas horripilantes afugento os espíritos malignos, mas não, os pequenos fantasmas que batem à minha porta a pedir doçarias.

Toda a Europa vai acertar os ponteiros para o Inverno

Bild

Sábado à tarde...

Bild
visitei a exposição de classe mundial DIE DÜSSELDORFER MALERSCHULE 1819-1918 no Museum Kunstpalast em Düsseldorf. Jolly Flatboatmen in Port von George Caleb Bingham , 1857

A revista Lonely Planet colocou o Porto como o quarto destino mundial predilecto para 2012, elogiando a beleza da cidade

Bild

A inauguração da exposição THOMAS STRUTH: FOTOGRAFIAS 1978 - 2010 decorrerá esta noite às 22h00, no Museu de Serralves

Thomas Struth nasceu em Geldern em 1954 e, construiu ao longo de mais de 30 anos uma obra onde a fotografia assume a condição de um impressionante ensaio visual sobre o mundo em que vivemos, os seus tempos e os seus lugares. Das séries sobre cidades às imagens dos paraísos verdes, dos seus retratos de família às audiências de museu, das fotografias de museu às fotografias de lugares longínquos ou inacessíveis como certas docas ou estaleiros no Oriente, a estação espacial de Cape Canaveral ou laboratórios de aceleradores de partículas, a fotografia de Thomas Struth tem construído uma evidência analítica da sociedade globalizada que caracteriza a civilização contemporânea. Pela primeira vez em Portugal, o Museu de Arte Contemporânea de Serralves expõe uma das maiores apresentações antológicas do trabalho do artista alemão de 29 de Outubro a 29 de Janeiro 2012. Comissariado: James Lingwood Exposição organizada por: Kunstsammlung Nordrhein-Westfalen, Düsseldorf e Kunsthaus Zürich, Zuriqu

Desde há 125 anos que a Lady Liberty está de vigilância diante da porta de entrada em Nova Iorque

Bild
No dia 28 de Outubro de 1886, o então presidente dos Estados Unidos, Stephen Grover Cleveland, inaugurava solenemente a Estátua da Liberdade.

O 19º encontro do Círculo Literário

Bild
Esta tarde o Círculo Literário reuniu-se em casa da Ingrid, em Hösel, para falar do romance De verdronkene (2005); em alemão Sturmflut (2006), que ainda não foi traduzido em português. Tendo como pano de fundo a medonha inundação que ocorreu na noite de 31 de Janeiro para 1 de Fevereiro de 1953: a ruptura de diques de protecção levou à inundação de uma grande parte dos Países Baixos, provocando a morte de 1835 pessoas, assim como a morte de um grande número de animais. Ainda hoje em dia os holandeses lembram as vítimas da catástrofe. No seu romance Sturmflut a holandesa Margriet de Moor aborda temas como o amor e a perda, a força da natureza e a morte. Este ano comemora-se o centenário de Max Frisch, dramaturgo e romancista germano-suíço, que foi um dos mais reverenciados na Europa na década de 50. O Círculo Literário escolheu o seu romance mais vendido Homo Faber , de 1957, que foi adaptado ao cinema por Volker Schlondorff e se estreou, em 1991, para o 20º encontro que vai ter

O telefone faz 150 anos

Bild
Max Schüler: Junge Frau am Telefon (mulher jovem ao telefone), 1912 Quem inventou o telefone? Certo é, que Philipp Reis desenvolveu um modelo pela primeira vez em 1861, na Alemanha, mas a primeira patente foi registada em 1876 pelo o escocês Alexander Graham Bell, nos EUA. Embora historicamente o cientista, inventor e fundador da companhia telefónica Bell tenha sido considerado como o inventor do telefone, o italiano Antonio Meucci foi reconhecido como o seu verdadeiro inventor, em 11 de Junho de 2002, pelo Congresso dos Estados Unidos.

JOJO, O REINCIDENTE

Bild
Jojo imagina para se rebelar contra as normas que lhe são impostas pelo mundo dos adultos, e essa imaginação fala através dos objectos mesmo antes de falar por palavras (a peça é um conjunto de didascálias que propõe uma sequência de cenas sem diálogos). Jojo, o Reincidente é assim uma viagem pelas liberdades e direitos concretos da infância, onde as crianças se inventam e, ao fazê-lo, se formam a si mesmas. Viagem rara (a milhas de distância do paternalismo que anestesia) assinada por Joseph Danan, um ensaísta e escritor de peças, primeiro para adultos, e mais recentemente para públicos infanto-juvenis, onde se estreou com As Aventuras de Auren, o Pequeno Serial Killer (2003). de Joseph Danan tradução Isabel Lopes encenação e cenografia Fernando Mora Ramos, Paulo Calatré música Carlos Alberto Augusto figurinos Manuela Bronze desenho de luz Nuno Meira interpretação António Parra, Carlos Borges, Isabel Carvalho, Isabel Lopes, Paulo Calatré produção Teatro da Rainha duração aproximada [

O eixo Berlim-Roma, a aliança da Alemanha nazista e da Itália fascista, foi constituído em Berlim no dia 25 de Outubro de 1936.

Que idade os alemães alcançam?

Bild
Cada vez mais velhos. A expectativa média de vida das mulheres é de mais de 80 anos; a dos homens de 75 anos. Um desenvolvimento satisfatório, mas que põe o sistema social alemão diante de sérios desafios. Pois a taxa de nascimentos de 10,2 recém-nascidos para 1.000 habitantes, é muito baixa. Assim, um número cada vez menor de contribuintes tem de financiar a reforma de um número cada vez maior de velhos. Quem quiser manter o seu padrão usual de vida também na velhice, terá cada vez mais, por isso, de recorrer aos seguros privados. E eles são apoiados pelo Estado com suplementos e vantagens fiscais nada desprezíveis. Para isso, o governo federal concede incentivos anuais num valor total de cerca de 10 bilhões de euros. Somente assim, as reformas estarão asseguradas para os mais velhos e poderão ser financiadas pelos mais novos.

Hoje apetece-me...

Bild
... cozinhar... ou pelo menos, tentar... Peixe, é o almoço.

Franz Liszt nasceu em 22 de Outubro de 1811 em Doborján

Bild
Franz Liszt foi baptizado em latim com o nome "Franciscus", mas os seus amigos mais próximos sempre o chamaram de "Franz", a versão alemã do seu nome. Era chamado de "François" em francês, "Ferenc", "Ferencz" ou "Ferentz" em húngaro; no seu passaporte húngaro de 1874, o nome registrado era "Dr. Liszt Ferencz". Franz Liszt era sogro de um famoso compositor alemão. Sabem quem era? Claro que a Nina sabia: o meu muito amado Richard Wagner. E como se chamava essa filha de Franz Liszt, que traíu o marido, Hans von Bülow, por causa da sua paixão pelo Richard Wagner? A Nina continuou a respondeu acertadamente: Cosima Francesca Gaetana Wagner, filha do pianista húngaro Franz Liszt com a Condessa Marie d'Agoult, (Marie de Flavigny) foi a segunda esposa do compositor alemão Richard Wagner, tendo com ele duas filhas e um filho. Após a morte do marido, em 1883, tornou-se a responsável do Festival de Bayreuth até 1914. Morre

No aeroporto Francisco Sá Carneiro

Bild

Morrer

Eu queria morrer como o Outono, Tonto... a esparramar cor... E ficar como o Artista Antes da morte, Antes da dor. Se alguém me chorar, (A chorar) Console-o a certeza De que morri inebriado, Ébrio de luz e de cor, Em Amor e Beleza Mesmo com a certeza De que morri. Agostinho Gomes in "Canas ao Vento e Canções do Mal-amado" 1ª edição — Abril de 2011

CISNE NEGRO

Bild
Um thriller psicológico que se desenrola no mundo do New York City Ballet. O "Cisne Negro" tem como protagonista Natalie Portman no papel de Nina, uma bailarina que se vê enredada numa teia de intriga competitiva com uma nova rival na Companhia (Mila Kunis). O "Cisne Negro" é um flme poderoso e arrepiante. A transformação da bailarina virginal, frágil e meiga, assustada e sonhadora nesse ser, que representa o lado escuro da sua pureza, fica na memória. Realizador: Darren Aronofsky Actores: Natalie Portman, Mila Kunis, Vincent Cassel, Winona Ryder Duração - 108 min. EUA / Drama / Thriller 2011- M/16 Anos

A Casa dos Sonhos

Bild
"A Casa dos Sonhos", de Jim Sheridan, conta a história de Will Atenton (Daniel Craig), famoso editor em Manhattan que se decide mudar com a sua mulher (Rachel Weisz) e as duas filhas para uma pequena cidade em Nova Inglaterra. Enquanto a família se prepara para uma vida nova e descansada, descobre que esse lar perfeito foi o local do assassinato de uma mãe e as duas filhas, e a cidade inteira acredita que os crimes foram cometidos pelo marido, o único sobrevivente. Quando Will começa a investigar a história do passado da sua nova casa para descobrir o que realmente aconteceu, a única pista é a sua vizinha Ann Paterson (Maomi Watts). Sabemos que um bom thriller pode ser perigoso para cardíacos, "A Casa dos Sonhos" é absolutamente inofensivo. Jim Sheridan tenta imitar o género de suspense à la Alfred Hitchcock, todavia este filme é só uma pálida versão dos thrillers do grande mestre.

Estocolmo

Bild
Estocolmo não inscreve a cena na capital nórdica que lhe dá nome. O novo espectáculo do Teatro Bruto não será por isso menos cosmopolita, mas será mais patogénico. Porque o título alude a essa síndrome que leva vítimas de rapto a desenvolver uma particular simpatia pelo seu sequestrador. Poeta cuja lâmina psicológica vem sendo afiada em textos dramáticos como Nenhures (2008) e Reféns (2009), o portuense Daniel Jonas volta a colaborar com Ana Luena em mais um objecto, temática e disciplinarmente, excêntrico. Também em Estocolmo a intervenção musical – desta vez, a cargo de Peixe (membro dos camaleónicos Zelig) – volta a ser mais do que paisagística ou decorativa. Um traço que marca as criações do pentateuco aberrante que o Teatro Bruto iniciou há dois anos, ciclo de cinco espectáculos centrado no mito de Prometeu e nas figurações do monstro. texto original Daniel Jonas encenação, cenografia e figurinos Ana Luena música original Peixe desenho de luz Rui Monteiro interpretação Pedro Mend

Exposição de ilustrações de Luís Silva

Bild
Ponto de intersecção entre o Teatro e a Ilustração, Teatro Plano expõe uma amostra de trabalhos realizados pelo ilustrador Luís Silva para projectos vários de estruturas teatrais como o TNSJ, o TFA – Teatro de Formas Animadas de Vila de Conde e o Teatro Bruto (em cena com o espectáculo Estocolmo). A exposição confere especial destaque ao projecto Teatro de Papel, um Teatro São João feito em escala liliputiana onde foram reinventados clássicos da dramaturgia universal para uso e proveito dos públicos mais jovens. Luís Silva desenhou cenários, personagens, figurinos e adereços para os miniaturais espectáculos Anfitrião de António José da Silva e Convidado de Pedra, a partir de O Enganador de Sevilha de Tirso de Molina. Um admirável teatro portátil que continua hoje a circular pela Península Ibérica.

DO ALTO DA PONTE (A View from the Bridge) de Arthur Miller

Bild
É uma tragédia moderna de um dos mais geniais autores norte-americanos do século XX e princípios do XXI. Arthur Miller, em "Do Alto da Ponte", baseia-se no mundo das docas e do porto de Nova Iorque, que considera um mundo à parte, com regras e dinâmicas muito próprias. Um mundo, onde a pobreza, a pouca formação e os dramas da imigração ilegal ganham grande expressão. Miller, nesta peça, decide, a partir de uma história verídica contada por um amigo, dar-nos uma vista possível a partir da ponte de Brooklin, como se ele e também a personagem/narrador Alfieri (advogado bem na vida e letrado) passassem em cima da ponte e vissem algo que muitos tentam não ver a caminho de Manhattan. Com este espectáculo reflectimos sobre aquilo que está à margem, sobre a violência que é para alguém que não é reconhecido cidadão do País onde vive conseguir atingir a felicidade. Através da família Carbone (imigrantes italianos que vivem em Brooklin), entramos neste universo. O Teatro Experimental

PORTO

O Porto é só uma certa maneira de me refugiar na tarde, forrar-me de silêncio e procurar trazer à tona algumas palavras, sem outro fito que não seja o de opor ao corpo espesso destes muros a insurreição do olhar. O Porto é só esta atenção empenhada em escutar os passos dos velhos, que a certas horas atravessam a rua para passarem os dias no café em frente, os olhos vazios, as lágrimas todas das crianças de S. Vitor correndo nos sulcos da sua melancolia. O Porto é só a pequena praça onde há tantos anos aprendo metodicamente a ser árvore, aproximando-me assim cada vez mais da restolhada matinal dos pardais, esses velhacos que, por muito que se afastem, regressam sempre à minha vida. Desentendido da cidade, olho na palma da mão os resíduos da juventude, e dessa paixão sem regra deixarei que uma pétala pouse aqui, por ser de cal. Eugénio de Andrade in "A cidade de Garrett" edição de 1996

Cemitério

Tudo, na vida, é cemitério... Na sepultura das palavras, Vivemos a enterrar Vividos ou esboçados gestos. E até, a própria canção É tosca lájea Lançada Por sobre o mundo Profundo Da emoção. Agostinho Gomes in "Canas ao Vento e Canções do Mal-amado" 1ª edição — Abril de 2011

101º aniversário do 5 de Outubro

Bild

O Discurso do Rei

Bild
Após a morte de seu pai, o Rei George V (M. Gambon), e da escandalosa abdicação do Rei Eduardo VIII (G. Pearce), Bertie (C. Firth), que sempre sofreu de um problema de fala, é coroado Rei George VI de Inglaterra. Com o país à beira de uma guerra e a necessitar desesperadamente de um líder, a sua mulher, Elizabeth (H. B. Carter), futura Rainha-mãe, encaminha o marido para um excêntrico terapeuta da fala, Lionel Logue (G. Rush). Depois de um começo difícil, os dois homens iniciam uma terapia pouco ortodoxa e acabam por formar um vínculo inquebrável. Com a ajuda da sua família, do seu governo e de Winston Churchill (T. Spall), o Rei vai superar a gaguez e tornar-se numa inspiração para o povo. Baseado na história real do Rei George VI, "O Discurso do Rei" acompanha a luta desesperada do monarca pelo reencontro com a sua própria voz. Realizador: Tom Hooper Actores: Colin Firth, Helena Bonham Carter, Derek Jacobi, Geoffrey Rush, Michael Gambon, Guy Pearce, Timothy Spall. Duração

imagem do dia

Bild

A CASA DA FAMA

Bild
O que têm em comum Luís de Camões, a Padeira de Aljubarrota e a Princesa Diana? Ainda têm a oportunidade de o saber até ao dia 16 de Outubro no Rivoli Teatro Municipal do Porto.

mais um caso de violência

Bild
Cada vez mais ouvimos falar de violência. Compreendemos que hoje em dia existe violência em todos os locais e com todas as pessoas, assim como também sabemos que existem vários tipos de violência. Numa viagem de Metro ouvi um pai dizer para o filho, um rapazito dos seus 15 anos, pálido e silencioso: — Quanto mais estudas mais estúpido ficas. Quanto mais estudas mais te afundas. Tu já estás mesmo no fundo. Tu és como a tua mãe, que quer saber sempre mais do que os outros. O pai repetiu esta frase entre a Trindade e D. João II, não parando de roer as unhas.

Comemorações Dia Mundial da Música

Bild

Manifestação de 1 de Outubro na Cidade Invicta

Bild