"A arte não existe para reproduzir o visível, mas para tornar visível o que está além".

Nasceu em 18 de dezembro de 1879 em Münchenbuchsee, Suíça, Paul Klee consta entre os mais importantes artistas do modernismo clássico. A sua vasta obra segue diversas correntes estilísticas, do expressionismo ao construtivismo, passando pelo surrealismo. Ele estava sempre experimentando novas formas e técnicas; conhecimentos da ciência e da tecnologia influenciavam sua obra, da mesma forma que as impressões de suas numerosas viagens ao sul da Europa e norte da África.
As fortes e variadas cores que Paul Klee utilizou na sua famosa obra "Cúpulas vermelhas e brancas", foram inspiradas numa viagem que o pintor fez à Tunísia em 1914. Na visita a capital do país, Túnis, Paul Klee ficou impressionado com a qualidade da luz do local e suas cores vibrantes.

Kommentare

  1. Antworten
    1. Eu prefiro a arte contemporânea aos "velhos presuntos".

      Löschen
  2. É essa a própria noção e só
    uma saudade que se desvanece
    na Poesia. Pura intenção
    de cantar o que não conhece
    (Natália Correia)

    Num campo diferente, mas a mesma ideia transcendente.

    CFaria

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A Natália soube cantar como ninguém com a sua POESIA.
      Poetas e pintores vivem num mundo transcendente.

      Löschen
  3. Bom dia. Passe a comparação, olhando o quadro, pensei: Será que a ematejoca quer reflectir-se através deste quadro - numa "luz" incógnita - para os seus leitores e leitoras que não a conhecem?

    Incógnitas e riscados
    São traços visuais
    São luz que os quadros
    Oferecem a filhos e pais.

    Deixo um beijinho

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Boa noite, Nuno Filipe.
      Desta vez, vou ter o maior cuidado para não apagar as tuas encantadoras palavras.



      Löschen
  4. Não sou muito fã, mas gosto de alguns, como deste quadro, por exemplo :)) Bom dia...

    Bjos
    Votos de uma óptima terça-feira

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Embora ele não seja o meu pintor favorito, gosto da sua obra artística.

      Uma terça-feira de festa ________ cansada e feliz.

      Löschen
  5. Não é um artista cuja obra conheça, por isso, não me posso alongar muito

    r: Bilhetes para concertos e para teatro também é sempre uma excelente opção :)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Ainda não descobri o teu interesse por arte, Andreia.

      A melhor opção era uma viagem até Nova Iorque.

      Löschen
  6. A arte moderna é um gosto adquirido. Estou a direcionar-me nesse sentido. Mas ainda prefiro os clássicos. Estou ansiosa pela exibição de fevereiro, O impressionismo na Idade Industrial, com Monet, Pissarro e outros. E em outubro, Early Rubens. Entretanto, haverá outras exposições de arte moderna que já planeei ver. Os novos artistas/pintores merecem a nossa atenção.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A Idade Industrial é uma época que sempre despertou o meu interesse, em tempos, escrevi até um trabalho sobre a Revolução Industrial na Grã Bretanha.
      O impressionismo na Idade Industrial era uma exposição que eu não perdia, se tivesse aí. Considero Monet e Pissarro pintores modernos clássicos. Rubens já me custa mais a definir.

      Löschen
  7. ah, ano que vem são paulo vai ter uma exposição do paul klee. ansiosa. beijos, pedrita

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Recebi um calendário com as pinturas de Paul Klee.

      Beijo ainda natalino de Düsseldorf 😘

      Löschen

Kommentar veröffentlichen