O 38º encontro do Círculo Literário

“Estou muito tranquilo. Que venham os meses e os anos, não conseguirão tirar nada de mim, não podem tirar-me mais nada. Estou tão só e sem esperança que posso enfrentá-los sem medo. A vida, que me arrastou por todos estes anos,  eu ainda a tenho nas mãos e nos olhos. Se a venci, não sei. Mas enquanto existir dentro de mim — queira ou não esta força que em mim reside e que se chama “Eu” — ela procurará seu próprio caminho.
Tombou morto em Outubro de 1918, num dia tão tranquilo em toda a linha de frente, que o comunicado se limitou a uma frase: “A Oeste Nada de Novo”. Caiu de bruços, e ficou estendido, como se estivesse dormindo. Quando alguém o virou, viu-se que ele não devia ter sofrido muito. Tinha no rosto uma expressão tão serena,  que quase parecia estar satisfeito de ter terminado assim.”
Dos romances alemães sobre a Primeira Guerra Mundial, o mais conhecido é sem dúvida Im Westen nichts Neues 
(A Oeste Nada de Novo), publicado na Alemanha em Janeiro de 1929. 
Erich Maria Remarque (1898-1970) captura a transformação do entusiasmo juvenil de muitos soldados desiludidos com a realidade da guerra. 

No próximo encontro do Círculo Literário a 18 de Julho de 2014, vamos falar sobre um romance do escritor alemão Wolfgang Herrndorf (1965-2013) Tschick publicado em 2010.

Kommentare

  1. Está-me a fazer falta a ida ao Clube de Leitura!
    A estadia em Lisboa dá-me umas coisas e tira-me outras!

    Abraço

    AntwortenLöschen
  2. Em Lisboa também há Clubes de Leitura, Rosa dos Ventos.

    O Clube de Leitura da Teté foi a minha inspiração para criar o Círculo Literário.

    Prefiro viver numa grande cidade do que numa cidade pequena.

    Abração e boas leituras!

    AntwortenLöschen
  3. Nunca pertenci a um Clube Literário, mas não dispenso uma boa tertúlia. Duas vezes por semana - uma com jovens, outra com gente da minha idade.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. “Stammtisch” é a versão alemã de tertúlia, onde a vida gira à volta de uma ou mais cervejas.

      No Círculo Literário a vida gira à volta de uma chávena de café, uma taça de champagne e LITERATURA.

      Löschen
  4. Antworten
    1. “A Oeste Nada de Novo” é o livro mais lido no mundo depois da Biblía.

      Löschen
  5. ~ Todos conhecemos o Erich Maria Remarque! Eu já o conheço há cerca de meio século"
    ~ Já tinhas homenageado o Erich, penso que o Pedro referia-se a Wolfgang, que tembém não conheço.

    ~ Deve ser interessante pertencer a um clube literário.

    ~ ~ Dias aprazíveis com leituras muito agradáveis. ~ ~

    ~ ~ ~ ~ Abraço. ~ ~ ~ ~

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Tu tens razão, Majo, o Pedro refere-se ao escritor alemão Wolfgang Herrndorf que se matou no dia 26 de Agosto de 2013, devido a um glioblastoma multiforme, tipo de tumor cerebral primário mais comum e mais agressivo em seres humanos.

      Não tinha homenageado o Erich Maria Remarque, só tinha anunciado que no próximo encontro do Círculo Literário íamos falar sobre “A Oeste Nada de Novo”, livro que eu não tinha vontade de ler mais uma vez.

      Abraço da amiga de longe!

      Löschen
  6. Li o livro bastante novinha e adorei. Como tu bem dizes, parece-me que ele captou bem o espírito da guerra, do ponto de vista de um soldado ingénuo, que vai perdendo as ilusões à medida que vê os seus companheiros cair...

    Beijocas e boas leituras!

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen