Ponham-se à vontade, rapazes! Vamos outra vez lá para dentro para o quente. E ponderem sobre o que querem fazer nos próximos 6 meses...

Copyright: Berliner Zeitung/Heiko Sakurai

Foi um dia histórico, este 3 de Janeiro de 2011. Pela última vez, jovens alemães apresentam-se para iniciar o serviço militar, que deixa de ser obrigatório a partir de 1 de Março de 2011.
A decisão do governo alemão é parte de uma ampla reforma militar que reduzirá o contingente de cerca de 250 mil para 185 mil soldados.

Kommentare

  1. Cara Amiga de longe e ... tão perto

    Claro que primeiro está e estará sempre a família, porque somos felizes por tê-la com a qualidade com que a temos.

    Porém de vez em quando os amigos, a arte e a cultura também são também importantes e fazem parte da vida e da felicidade.
    Um bom ano
    Beijinhos

    AntwortenLöschen
  2. Olá Teresa!
    Ainda bem.
    Que a vida militar seja então para aqueles que tenham essa vocação, pois a obrigatoriedade do serviço militar e na idade em que se tinham de apresentar, constituía um contratempo enorme na vida dos jovens, já para não falar nas questões de objecção de consciência, que não sei se na Alemanha estava contemplado.
    Beijo e kandandos meus.

    AntwortenLöschen
  3. Nem sabia que aí o serviço militar era obrigatório! Acho que não o deve ser em lugar nenhum! Em caso de guerra, de qualquer forma, terá de se pensar numa nova de maneira de combater na era do nuclear... (enfim, esperemos que não cheguemos a tanto!)

    Beijinhos de uma Lisboa cinzenta e sonolenta! ;)

    AntwortenLöschen
  4. Destroçareeeee... Eu fui obrigado a ir à tropa e até que não me dei mal, não senhor!

    AntwortenLöschen
  5. De qualquer maneira a Alemanha acabou por vencer a II Guerra mundial, se não pelas armas, pela economia!

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen