Dylan Marlais Thomas nasceu em 27 de outubro de 1914, em Swansea, South Wales



“Estamos nus? Temos os nossos ossos e os nossos órgãos, a nossa pele e a nossa carne. Há uma fita de sangue a prender o teu cabelo. Não tenhas medo. Tens um tecido de veias à volta das coxas. O mundo passou numa carga sobre eles, o vento caiu em nada, soprando os frutos da batalha sob a lua. Peter ouviu as canções dos pássaros, mas não eram como as que ouvira aos pássaros, no parapeito do quarto, lançar das gargantas. Os pássaros estavam cegos.”

Dylan Thomas, em “Uma visão do mar e outros contos”. [tradução de Nuno Vidal]. 2ª ed., Lisboa: Vega Editora, p. 58.

 

Kommentare

  1. Mais uma novidade para mim.

    AntwortenLöschen
  2. Antworten
    1. A sua obra poética me cativa desde a minha adolescência.
      Sabias que Robert Allen Zimmerman adotou o nome Bob Dylan em homenagem ao bardo galês?!

      Löschen
  3. Não sou apreciador de tanto simbolismo que esbarra na fronteira da minha própria imaginação, para lá desse limite entro em território desconhecido e declaro-me incompetente para extrair beleza e prazer de uma obra.
    Tenha um dia perfeito Teresa.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Não encontro características da poesia simbolista na sua obra poética.
      Os seus poemas demonstram influências célticas, bíblicas e do surrealismo inglês.

      Que o seu dia, Joaquim Ramos, seja tão perfeito como o meu 🍁

      Löschen
  4. Mas pássaros cegos também cantam!

    Abraço

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Dylan Marlais Thomas cantou em Nova Iorque até ao dia 9 de novembro de 1953.

      Abraço outonal 🍂

      Löschen
  5. Gostei muito da publicação! 💙
    *
    Enquanto eu sentir esta força de viver
    *
    Beijos e uma boa noite!

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Enquanto que a Cidália sente essa força de viver, Dylan Thomas sentia vontade de beber e morreu com 39 anos durante uma viagem a Nova Iorque.

      Boa noite 🌙

      Löschen
  6. Desconhecia por completo.
    Abraço e saúde

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Dylan Marlais Thomas é um dos maiores poetas do século XX em língua inglesa, juntamente com Eliot e Auden.
      Boa noite 🌙

      Löschen

Kommentar veröffentlichen

Beliebte Posts aus diesem Blog

Angela Merkel: fim de uma era