Nos telhados de Paris


Na sala escura do Cinema, assisti ao filme La Mélodie.
O realizador francês-argelino Rachid Hami (32 anos) conta no seu primeiro filme a história do violinista Simon, que ensina a tocar violino a uma classe escolar nos subúrbios de Paris.
Simon considera a tarefa de entusiasmar os jovens alunos pela música clássica,  quase impossível. Exige muito sacrifício.  
Entretanto, surge um rapaz de muito talento, fascinado pelo violino. Arnold, solitário e silencioso.
E embora sejam todos cépticos, os pais, os alunos e o próprio Simon, devagarinhp inicia-se um processo, no qual os alunos se deixam levar, cada vez mais, pela música clássica e pelo violino, com o objectivo de dar um concerto na Philharmonie de Paris.

Kommentare

  1. Não acredito que por aqui passe.
    Se passar quero ir ver.
    Bfds

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Embora o filme não me tenha arrebatado, gostei da mensagem social.

      Löschen
  2. Também vou procurá-lo. Na candonga:). Esperar com calma que um vento benéfico o traga até mim. Se não trouxer? Talvez não possa vê-lo. Fica a memória do desejo.
    E começou a chuva. A que faz falta. A inenarrável, necessária e prolífica chuva.
    Bom Fim de Semana, Teresa.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Embora seja uma história simples, é uma boa comédia dramática, cheia de vida e sobretudo de sinceridade.

      Löschen
  3. Talvez passe aqui em Lisboa. Vou estar atento !!!
    Obrigado Teresa

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Os filmes franceses passam sempre em Portugal, portanto está atento, Ricardo.

      Löschen

Kommentar posten