Uma vida sem Happy End!

Kommentare

  1. Não entendi! Porque morreu cedo? Mas viveu à brava, que é mais do que muitos podem afirmar sobre si próprios...

    Beijoca, Teresa!

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen

Beliebte Posts aus diesem Blog

Jo Nesbø: Ciúmes

Pinceladas selvagens