Há realmente um Deus no céu?


Se existe, por que se esconde?

Kommentare

  1. Chegamos a pensar que não. Eu por exemplo. :((

    Bjos
    Votos de uma óptima Terça - Feira.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A fé é, por certo, um dom, uma graça divina.
      Às vezes, gostava de acreditar em Deus.

      Votos de uma abençoada quarta-feira.

      Löschen
  2. Não se esconde, nós é que o queremos como guarda-costas de tudo o que de mal naturalmente nos pode acontecer, assim não haveria fé, haveria provas claras como o Sol que nos ilumina. Ardeu uma parte da história do Homem, mas não ofuscou nem um pouco a mensagem de Cristo, que não mora num templo de pedra.

    AntwortenLöschen
  3. Ainda não tenho palavras para tamanha catástrofe :/

    AntwortenLöschen
  4. Antworten
    1. Está apenas fora do mundo, contente de ser em Si mesmo o mais sapiente e omnipotente 👼

      Löschen
  5. Fiquei muito chocado ao saber desta desgraça !!!
    Às 00:00 de hoje no Pacto as fotos são da Catedral, em 2010, quando passei por Paris !

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Afinal, a desgraça não foi assim tão grande.

      Com ou sem a ajuda de Deus, as fotografias da Catedral Notre-Dame de Paris com a tua HP 850 Photosmart são absolutamente fantásticas.

      Löschen
  6. Dieser Kommentar wurde vom Autor entfernt.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Como eu gostaria que ficasses aqui até às calendas gregas, a dissertar sobre o teu ponto de vista.

      Sabes que já tinha saudades tuas, Kim? Beijos da amiga de sempre e até breve:-*

      Löschen
  7. Os homens querem ser livres, mas depois, se o mal acontece , viram-se contra um deus guarda costas da humanidade, vista globalmente e em cada homem, deus esse que não cumpriu a função. Esse é o deus que, decerto, nunca existiu.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Sim, em certo sentido pode dizer-se isso: frente à liberdade humana, Deus não está disponível como guarda costas da humanidade. A sua função é simplesmente estar no céu a tocar harpa 👼

      Löschen
  8. Quando muitas coisas boas acontecem, os homens e as mulheres esquecem-se de praticar a gratidão. Quando algo de mal acontece... eles e elas têm que culpar alguém ou “confirmar” que Deus, afinal, não existe. E expressam-se de uma forma tão veemente como se fossem detendores/as da verdade absoluta e não se tratasse “apenas” da sua opinião.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Como não sou detentora da verdade, sou simplesmente agnóstica desde os 15 anos 👼

      Löschen
    2. Claro que sou agnóstica.
      Não te esqueças, Catarina, que estudei Filosofia. Os filósofos sabem que não há uma verdade absoluta.

      Löschen
    3. A razão por que te fiz essa pergunta é que para se chegar a essa afirmação tão peremptória – o de seres agnóstica aos 15 anos - requer maturidade intelectual. É um processo longo que passa por muita introspeção, reflexão, análise, estudo... Pensei que como te consideraste agnóstica nessa idade, o processo teria começado alguns anos atrás quando eras ainda uma criança e não no início da adolescência altura em que se processa de uma forma mais marcante o desenvolvimento cognitivo, individual, o pensamento multidimencional...
      A definição mais generalizada de agnosticismo é que, de facto, não se consegue provar com dados concretos que não há Deus (ou deuses ou outras divindades) e não se consegue provar que Ele existe.
      Sim, a verdade absoluta não existe. Aliás até existe para alguns, ou seja, “é uma verdade absoluta que a verdade absoluta não existe”. : ))
      As pessoas podem chegar a essa conclusão na vida real sem recorrer aos estudos dos grandes filósofos. Basta terem um espírito mais inquisidor/analítico. Perante uma mesma situação, cada pessoa interpreta de acordo com aquilo que pensa ver, que pensa ter ouvido, e dependendo da sua experiência de vida e dos seus antecedentes culturais e, eu diria, dependendo do seu estado emocional do momento. Num grupo de 10 pessoas poderemos ter várias verdades sobre a mesma situação que foi observada por todos, no mesmo local, à mesma hora. Isto em termos muito simplistas.
      E para terminar , lembrei-me desta famosa citação de Einstein: “A ciência sem a religião é deficiente, a religião sem a ciência é cega.”
      Boa Páscoa!

      Löschen
    4. Cinco estrelas para teu inteligente comentário, Catarina.

      Deus fugiu de mim aos 15 anos quando li " O DRAMA DE JOÃO BARROIS" de ROGER MARTIN DU GARD. Um romance que resume em si toda a angústia do pensamento moderno.

      Löschen
    5. Não quero que os meus leitores estejam de acordo comigo. Quero sim, respostas inteligentes. Muitíssimo obrigada pela tua participação, CATARINA 🌻

      Löschen
  9. Cinco estrelas para o comentário da Catarina!!!!

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Concordo até um certo ponto com o comentário da Catarina, Pedro. Embora acreditar ou não em Deus, não tem nada a ver com a gratidão ou ingratidão, pelo menos no meu caso 👼

      Löschen
  10. Não tenho para mim verdades absolutas, por isso me mantenho agnóstico, não por conforto ou preguiça mental, mas por ser a única resposta que a minha razão me dá.
    Não invalida que ao longo da minha existência não me tenha confrontado com situações tão inverossímeis, tão mágicas, tão genuinamente coincidentes, que, por vezes, me tenham levado a pensar que Ele tinha que estar por ali... mas que por honestidade intelectual logo afasto.

    PS: a blogosfera dá-nos momentos verdadeiramente gratificantes. O comentário de Carlos Faria foi um deles!

    Ematejoca, parabéns, como de um post banal surgiu tanta luz...

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. NUNCA fui confrontada com situações, que me tenham levado a pensar que Ele existe, antes pelo contrário.

      Verdadeiramente gratificante é ler as análises literárias do Carlos Faria.

      A minha ideia é, que a comunicação entre os meus leitores traga luz a um blogue pouco iluminado.

      Löschen
  11. Sou, apesar de tudo, uma pessoa de fé! Acredito que nada acontece por acaso! Mas a verdade é que o mundo fica mais pobre...

    Beijinhos molhados :)))

    Aqui: 💕 Vem... Lambuza-te em mim 😋

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Ontem, durante o jantar de aniversário estavam presentes as minhas amigas Petra e Dagmar, que se conheceram no coro de uma igreja luterana. A relação entre elas é tão importante e perfeita como a tua relação com a Márcia. Acredito no amor 💓

      Löschen
  12. Não tenho a pretensão de saber o que faz um deus. Ou, de humanamente o criticar. Ainda que por vezes me queixe, sempre penso que as minhas queixas não são justas. Ter nascido já foi sorte que nunca pagarei.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Tanto barulho para nada!!!

      Estou muitíssimo grata aos meus pais por ter nascido, e não a um deus desconhecido.

      Löschen
  13. Enquanto discutimos se haverá um Deus no céu, na terra, não existem dúvidas, existe e não se esconde; chama-se Pinto da Costa e é o presidente do FC Porto.

    A esta hora correm por aí dois boatos:

    1 - Consta que o motorista de Pinto da Costa se descuidou e deixou o combustível na reserva. A esta hora, não existe na cidade do Porto, ponto de abastecimento cuja fila seja inferior a 3 horas de espera. Pinto da Costa está desesperado, pois corre o sério risco de ver o jogo com o Liverpool pela televisão. Entretanto já mandou o líder dos Super Dragões tratar pessoalmente do assunto…

    2 - Consta que existe um acordo secreto com o Sporting: o Sporting perde o último jogo do campeonato no Dragão e o Porto deixa o Sporting ganhar a final da Taça de Portugal.

    PS: um destes boatos foi inventado por mim ….adivinhem qual !

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. O primeiro boato tem muita piada, mas é falso!!!
      O segundo boato não tem piada, mas é verdadeiro!!!

      Löschen
  14. Ultimamente, quando entro no teu blogue, Teresa, só me lembra um típico café-bar de uma Vila de província. Há mesas onde pessoas debatem sensatamente os temas da actualidade, noutra mesa no canto, sussurram-se anedotas e piadas picantes.
    Em dias de futebol, há mesas onde se inventam boatos em jeito de picardia. Por vezes acontecem tertúlias poéticas e, não raras vezes, lá vem uma ovelha ranhosa discordar de tudo...sem opinar sobre nada. Um regabofe!!...

    Beijos, com voto de uma Páscoa doce. :)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A dona deste café-bar tem muita elegância, vai a todas as mesas e conversa, brinca, insinua-se.
      A todos trata com elevação, mesmo discordando.
      Um regabofe é uma festa em que se come e bebe à farta, e isso é mais próprio de tascas e casas de pasto.

      Löschen
  15. Joaquim Ramos, eu sei do procedimento da elegante dona deste café-bar, uma excelente anfitriã que peca por ser demasiado permissiva, referia-me a mim...quem vem fazer o regabofe...sou eu!!! Isto para seu sossego.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Ai, muito bom o teu comentário, querida JANITA, ahahahah!!! Rir curou o meu desgosto pela derrota do meu FCPORTO, embora os 4 golos do FC Liverpool ainda os sinta no estômago.

      Tu sabes muito bem, que aceito todas as críticas e opiniões, isso não quer dizer, que eu mude a minha maneira de pensar ou de escrever.

      Desejo-te uma quinta-feira santa com muito humor e dinamismo:-*

      Löschen
    2. A JANITA é uma amiga desde o início da minha carreira blogosfera, portanto todas as suas críticas são bem vindas. Ou mais precisamente, o *ematejoca* ama a diversidade de opiniões e comentários. Como não me interessa de agradar a gregos e troianos, vou continuar a escrever AQUI o que me der na gana.

      Elegante estava eu ontem à noite no jantar de aniversário da Karin. Lamento que o Joaquim Ramos não estivesse presente para admirar a minha beleza e elegância.

      Esta noite vou ver o jogo Eintracht Frankfurt contra o BENFICA e torcer pela equipa PORTUGUESA:-*

      Löschen
    3. Dos blogues, que nunca abandonei, ficaram-me algumas amizades. Umas transformaram-se em carne e osso e outras continuam virtuais, mas não menos agradáveis e interessantes. Estás nesse lote e também eu tenho saudades.
      Ainda quanto à questão de Deus, para mim o essencial resume-se a isto; Se Deus existe, no Juízo Final vai-me perdoar, pois foi ele que me deu a inteligência para nele não crer. Basta juntar alguns pontos, a começar pela evolução do homem, para cair por terra a sua existência.
      Além disso, de que serve acreditar em Deus nas horas más, quando nas boas se é um verdadeiro filho da "mãe"!
      O meu Deus sou eu, que tento e vou conseguindo ser todos os dias um ser humano vertical, justo e bondoso, de modo a que todos os dias me deite com a consciência tranquila, sem recriminações alguma. E devo dizer-te que raramente me deito com alguma intranquilidade, apesar de haver sempre aspectos a melhorar.
      Quando eu andava no seminário, fui habituado a todos os dias fazer um exame de consciência e não perdi esse hábito. Ainda hoje o faço e julgo que nem tenho inimigos.
      Respeito todos os credos e sinto que todas as religiões se resumem apenas a uma palavra - FÉ!
      É bom que o homem acredite em alguma coisa, mesmo acreditar que não acredita!
      Beijinho grande para ti!

      Löschen

Kommentar veröffentlichen