Incerteza

(desenho Maria Keil)

Eu tenho olhos
porque te vejo
Eu tenho ouvidos
porque te ouço
Eu tenho uma boca
porque te beijo

Tenho 
os mesmos olhos e ouvidos
quando te não 
vejo e ouço
e a mesma boca 
quando te não beijo?


Tradução Teresa Hoffbauer

Kommentare

  1. Antworten
    1. Um dia deste traduzo os teus poemas para o alemão, camarada resmungão!

      Löschen
    2. QUERO o teu | o meu comentário de volta, querido resmungão :-*

      Löschen
    3. Nem me lembro
      de que foi meu jantar
      quanto mais
      de tal me lembrar

      Quanto a traduzires meus poemas
      para alemão... seria uma honra
      figurar ao lado de Marx, Goethe
      seria dares-me visibilidade
      tirar-me da sombra

      (como sabes, sou vaidoso...)

      Löschen
  2. Um poema muito curioso e muito intrigante.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. É um poema de amor do poeta e tradutor austríaco Erich Fried (1921-1988).

      Espero que não seja a minha tradução que o torne curioso e intrigante.

      Löschen
  3. Incerteza justificada e pertinente a pergunta: se a boca, os olhos e ouvidos apenas existem em função do amor dele/dela; sem ele/ela nada fará sentido... Foi assim que interpretei e é assim que o quero, para mim...:)
    Belo poema!

    Abraço, Teresa.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Interpretação absolutamente perfeita, minha querida JANITA 🌷
      A ideia de eu traduzir os poemas de amor 💓 de Erich Fried não é minha, mas sim, de um amigo meu, que me ofereceu o livro. Amanhã, conto a história com todos os detalhes.

      Beijo de uma tradutora contra a sua vontade 😘

      Löschen
  4. Certamente, uma grande verdade:))

    Bjos
    Votos de uma óptima Terça-Feira

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Um poema verdadeiramente suave e erótico.

      Verdade é, que o Benfica tem grandes chances de ganhar o jogo desta noite contra o Bayer München. O meu clube FORTUNA DÜSSELDORF empatou com o Bayern, isso significa como o clube da Bavária está fraco.

      Força Benfica!

      Löschen
    2. Embora seja uma portista de coração e alma, estou desolada com o resultado do jogo desta noite. NUNCA pensei! Scheiß, Bayer München!!

      Löschen
  5. Oláá, tudo bem? Meu nome é Tanara e estou voltando pro mundo blogueiro agora! Adorei teu cantinho e espero que visite e siga o meu, caso queira! Fico no aguardo! (: Beijinhos!

    AntwortenLöschen
  6. Um poema que, na verdade, merece a tradução. Parabéns, senhora tradutora:).

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Ainda estou na dúvida se continuo a traduzir os poemas de Erich Fried, embora o meu amigo me continue a incitar, só que ele não pode avaliar a minha tradução, porque não sabe português.

      Löschen
  7. Os olhos, os ouvidos e a boca continuam a existir, mas deixam de ser os mesmos, porque lhes falta o destinatário

    r: Tem uma letra verdadeiramente inspiradora. Ainda bem que gostaste :)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. É isso mesmo, Andreia!

      Embora tenha gostado, não sou uma mulher romântica e apaixonada como tu, para os achar maravilhosos.

      Löschen
  8. Resmungão
    era um anão

    talvez o mais simpático
    que a Branca de Neve teve

    (claro que o poema é belo
    se está bem traduzido, ou não
    está fora da competência
    do Resmungão)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Tu és o resmungão mais querido à face da terra, Rogério 😘 e o meu poeta de eleição.

      Löschen
  9. Tanto amor que se sente por aqui... : )... amor romântico

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Analisando com calma os Poemas de Amor 💓 de Erich Fried chegamos à conclusão que não são poemas românticos, são sim, poemas absolutamente eróticos.

      Löschen
  10. É das incertezas que nascem as dúvidas e das dúvidas a possibilidade de expandir a alma para que nela possa caber mais mundo. Abraços.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Bem-vindo ao ematejoca azul 🐦 Ulisses de Carvalho!

      Um comentário quase filosófico, com o qual concordo ABSOLUTAMENTE.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen