Bilhar às Nove e Meia


No encontro do Círculo Literário, em Düsseldorf, no dia de hoje, opiniamos sobre o romance Billard um halbzehn (1954) do nobeliano alemão Henrich Böll (1917-1985).
 Um dos escritores alemães mais destacados do período pós-guerra, escreveu o seu primeiro romance ainda jovem no fim da década de 30, enquanto estudante das filologias germânica e românica. Imediatamente após a sua experiência como soldado durante a Segunda Guerra Mundial, publicou diversos contos, sátiras e romances. 
Bilhar às Nove e Meia narra a história de três gerações da familia Fähmel, antes, durante e depois da guerra. Não é um romance de leitura fácil, dotado de uma escrita moderna e envolvente, em que todos falam ao mesmo tempo e em vários tempos, o romance não desilude, pelo contrário, merece todo o esforço do leitor.
 Para o 67° encontro do Círculo Literário, em Düsseldorf, no dia 20 de Abril de 2018, escolhemos "Wonder" da americana Raquel J. Palácio.

Kommentare

Kommentar veröffentlichen