Eu 💓 a cidade invicta

Kommentare

  1. A mui nobre e invicta cidade.
    Beijinho, Teresa, bom fim de semana.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Beijinhos da amiga felicĂ­ssima na cidade da sua infĂąncia e adolescĂȘncia.

      Löschen
  2. E hĂĄ cada vez mais quem a ame. O Porto estĂĄ na moda e encanta muita gente. :)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. O Porto encanta turistas de todo o mundo.
      É quase impossĂ­vel entrar na livraria Lello ou no cafĂ© Majestic.
      Beijinhos da cidade invicta 🏖

      Löschen
  3. Quando, em 1974, iniciei um projecto em S. Pedro de Fins (arranque da Aciaria da Maia) fiquei a viver no Porto. Ficava em pensÔes, hotéis e quartos alugados... até que fui acolhido por um Lyso... (https://youtu.be/tIWBHsoAIw8) onde fiquei a viver uns meses (com deslocaçÔes aos fins-de-semana a casa) por volta do inicio dos anos 80 outros projetos pelos arredores do Porto. Recordo, um dos que considero uma das minhas "jóias da coroa", na Cerfil. Este seu post fez-me regressar às memórias e mergulhar na história de uma família e ir deambular pela Fundação Gramaxo (https://www.facebook.com/FundacaoGramaxo/ ).

    Obrigado por me ter dado esta oportunidade de recordar esse pedaço de mim e as memórias que guardo do Porto...

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A minha visita Ă  cidade invicta obriga-me a regressar Ă s memĂłrias
      e mergulhar num pedaço de mim como te aconteceu a ti, Rogério.

      Na minha prĂłxima visita a PORTUGAL, vou visitar Lisboa e avivar
      memórias do meu tempo de menina e moça durante as férias de verão
      em casa dos meus tios.

      Abraço amigo, camarada!

      Löschen
  4. Estå cada vez mais bonita e mais remoçada...

    Beijinhos lisboetas... :)))

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Bonita como sempre, INFELIZMENTE com turistas a mais.

      Beijinhos da cidade invicta 🏖

      Löschen
  5. Fui hoje ao Porto... mas apenas de fugida.
    AmanhĂŁ passo por lĂĄ de novo... ainda mais de fugida e com um destino feliz: LISBOA!

    Vamos sentir lĂĄ a tua falta... đŸŒč

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Estou absolutamente arrependida de não ter dado um pulo até Lisboa.

      Ganhei forças como o sol maravilhoso. A minha filha estå óptima.
      NĂŁo hĂĄ desculpa pela minha ausĂȘncia na Casa do Alentejo.

      Abraços para todos 😘 e bebam uma taça de champanhe a pensar
      em mim.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen