Semana Santa de Braga


Diz um velho provérbio português:
"Em Lisboa vive-se, no PORTO trabalha-se e em Braga reza-se"

Durante a Semana Santa, Braga acolhe milhares de peregrinos oriundos de todo o pais e da Galiza. 
É um ritual dominado pelo conjunto de procissões nocturnas envoltas numa forte intensidade dramática. É assim logo na Quinta-feira Santa com a Procissão de Endoencas, ou, segundo a designacão popular, do Senhor da Cana Verde. Em Braga, a procissão é também apelidada de 
"Senhor Ecce Homo".
Na Sexta-feira Santa o destaque vai para a Procissão do Enterro do Senhor, que, segundo o opúsculo "Procissões da Semana Santa" de José Manuel Semedo de Azevedo, "não está determinada pelas rubricas do Missal Romano", mas  estabeleceu-se em Portugal nos finais do século XV.

É um programa muito rico e diversificado, que pretende apresentar a Semana Santa de Braga em todas as suas dimensões, nomeadamente religiosas (incluindo algumas práticas únicas no mundo, decorrentes do apelidado Rito Bracarense) e culturais, e as manifestações populares, não apenas da cidade, mas do seu entorno.

Kommentare

  1. E esqueceste-te de referir a "Procissão da burrinha", foi hoje à noite e é uma tradição da freguesia onde resido aqui em Braga. Das três procissões é a que gosto mais, as outras são muito "pesadas" e tristes.

    Um beijo para ti aqui da cidade dos arcebispos
    (^^)

    (e afinal como está a tua situação de saúde!? Conseguirás vir fazer uma visita a Braga no dia 30?)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Não me esqueci da "Procissão da burrinha". Eu nunca ouvi falar dessa procissão.
      Da "tralha" que o meu filho me trouxe de Portugal, vinha um artigo sobre as Festas da Semana Santa em Braga. Fiz um resumo, para não cansar, e publiquei-o aqui.

      Estou sã como um pero, contudo continuo indecisa em viajar de avião.

      Beijinhos rituais da amiga de sempre.

      Löschen
  2. Nunca fui a Braga na Semana Santa...
    Uma Páscoa Feliz, Teresa.
    Beijinho

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Também eu nunca fui a Braga na Semana Santa.
      Ainda hoje me impressiona a imagem de Cristo coroado de espinhos.
      Beijinho doce da amiga "tuga".

      Löschen
  3. Não sabia nada sobre este assunto, conheço mal Braga mas as vezes que lá estive adorei a cidade e as pessoas, sempre simpáticas e muito educadas hei~de lá voltar logo que possa.
    Feliz Páscoa.bjs

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Como Braga fica a um pulo do Porto, visitei esta cidade inúmeras vezes, mas nunca na Semana Santa. Embora as procissões nocturnas bracarenses sejam momentos cruciais da Semana Santa em Portugal.

      Löschen
  4. Precisamente como o Carlos nunca fui a Braga na Semana Santa.
    Votos de uma Santa Páscoa

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Não podendo, pela ausência, partilhar estas memórias, creio que este texto é apenas fruto da habitual nostalgia do passado.

      Löschen
  5. Como frisou a papoila, gostei de Braga e das suas gentes. E ainda da doçaria, acrescento eu. Mas não me agradaria assim tanto na semana santa. Prefiro-a na sua laicidade

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Que a Semana Santa bracarense seja o melhor de Portugal é juizo no limite indemonstrável, dependendo a sua verdade dos gostos e interesses de cada um.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen