Surpresa e alegria

A Alemanha sem medalhas.
Telma Monteiro ganha bronze. 
Ouro para a menina da favela.

Kommentare

  1. Um canoísta português qualificou-se hoje para a final de C1 slalom, ao garantir um dos 10 lugares de apuramento para a corrida decisiva.
    A coisa vai-se compondo.

    Rafaela Silva, quem diria?
    Telma Monteiro, o bronze fica-lhe tão bem.
    Alemanha: greve às medalhas?

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A judoca Rafaela Silva superou a eliminação polémica nos Jogos de Londres e até o racismo para se tornar a segunda brasileira campeã olímpica da categoria até 57kg.

      Os Jogos Olímpicos de 2016 estão a transformar-se num pesadelo para a delegação alemã. Passados os primeiros quatro dias de disputas — excluindo as partidas de futebol —, a Alemanha conquistou apenas uma medalha no Rio de Janeiro. Este é o pior início do desporto alemão desde a Reunificação. A meta de 44 medalhas — mesmo número de conquistas em Londres 2012— , que havia sido anunciada antes dos Jogos, já parece uma perspectiva distante.

      Löschen
  2. Antworten
    1. "A alegria evita mil males e prolonga a vida."

      William Shakespeare

      Löschen

Kommentar veröffentlichen