Solidariedade com Böhmi!

 A chanceler federal alemã, Angela Merkel, autorizou que promotores alemães investiguem o humorista Jan Böhmermann pelo crime de ofensa a chefes de Estado estrangeiros — com base no parágrafo 103 do Código Penal alemão, que prevê o crime de injúria a "órgão ou representante de Estado estrangeiro". A legislação determina que o governo alemão precisa autorizar a investigação. A pena máxima é de cinco anos — atendendo assim a um pedido do governo da Turquia. 
No seu programa humorístico Neo Magazin Royale, Jan Böhmermann afirma que, na Turquia, quando um jornalista publica algo de que Recep Tayyip Erdoğan não gosta, logo vai para a cadeia.
Acusamos Angela Merkel de colocar em segundo plano a liberdade de expressão na Alemanha para não desagradar o governo em Ancara. A Turquia é parte essencial no plano europeu para resolver a crise de refugiados. O plano foi defendido com veemência pela chanceler federal alemã dentro da União Europeia. 

Kommentare

  1. Realmente , vergonhoso e muito perigoso o caminho que a Alemanha está a tomar ...

    Que tenhas bom domingo

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. O caminho da Europa, São.

      A discussão a respeito da entrada da Turquia na União Européia espalhou a discórdia entre os vários governos europeus. Os defensores e os adversários da candidatura turca já se mobilizam na França e a questão tornou-se tema de campanha eleitoral na Alemanha, na Áustria, na Hungria, no Chipre e noutros países.

      Continuação de um domingo muito feliz.

      Löschen
  2. Hey Teresa - vielen Dank für die Verlinkung!
    ¡Venceremos! ; )

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Hey, Thomas!

      Endlich habe ich das ganze Gedicht in Deinem Blogue gelesen. Einfach geil.

      Diese Solidaritätswelle bringe ihn aber auch in eine schwierige Situation: "Wenn selbst Beatrix von Storch auf einmal mit erhobenem Mauszeiger auf Seiten der Satire kämpft, über wen soll ich dann noch Witze machen? Nicht auszudenken, wenn sich auch noch Til Schweiger zwischen zwei Flaschen Emma Cuvé aus dem mallorquinischen Frühling melden würde, um mir beizustehen oder Campino und Bob Geldof plötzlich mit einem Charity-Song um die Ecke kämen."

      Löschen
  3. Os meus conhecimentos de alemão não chegam para discernir o conteúdo do texto, sei que ouvi que são feitas 3 acusações, uma é fácil de afirmar que é verdadeira relativamente ao povo curdo. Também ouvi que o humorista testou o limite e isso é aceitável, o mau é mesmo existir uma lei que trave a liberdade de expressão num trabalho de humor, pior ainda se os tribunais coartarem a liberdade de expressão com base numa lei que não deveria existir

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Humoristas turcos iriam parar na cadeia com críticas bem menos ofensivas ao seu presidente. Já o Jan Böhmermann não precisa se preocupar, pois vive na Alemanha protegida, mesmo que, em tese, esteja ameaçado de uma pena de três anos a cinco anos de prisão por insultar um chefe de Estado estrangeiro. Claro que a situação não vai chegar a esse ponto.

      Angela Merkel também anunciou que o seu governo vai elaborar uma proposta para abolir o controverso parágrafo 103, que ela chamou de "prescindível". A mudança deverá entrar em vigor em 2018.

      Löschen
  4. Este texto de José Goulão está muito completo :

    http://pcb.org.br/portal2/10830

    Beijo, Teresa ! :)

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A Europa à mercê de um guardador de cabras — Recep Tayyip Erdoğan — é sim a obra da chanceler federal Angela Merkel que defendeu duramente o recente plano acertado entre a União Europeia e a Turquia e é visto pela Europa como fundamental para tentar resolver a crise.

      {*} Rui.

      Löschen
  5. Tudo o que seja feito para defender esse santo chamado Erdogan é pouco.
    Esse traste merece bem mais que ser gozado!
    Boa semana

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. O jornal Yeni Akit, ligado ao presidente turco e ao seu partido conservador islâmico AKP, manifesta triunfo aberto: "Erdogan venceu: o bobo da Alemanha vai pagar". O Sabah, igualmente próximo a Ancara, comemora: "A injúria não ficará impune". E a emissora ATV fala de um "segundo choque para o palhaço impertinente da ZDF".

      Esses cretinos esquecem que vivemos na Alemanha, isso significa que o Jan Böhmermann não precisa de se preocupar com o bobo turco.

      Confiamos que o caso Böhmermann abra os olhos à Angela Merkel e que compreenda finalmente que um pacto com o Erdoğan, é um pacto com o diabo.

      Boa semana também para si, Pedro.

      Löschen
  6. Sempre pensei que o fantasma da guerra passou há muitos anos, e eu não a vivi.
    Mas parece-me que os interesses dos grandes senhores estão acima de tudo e todos. Isto não vai ficar por aqui.
    Temo.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. A República Federal da Alemanha é um dos países mais democráticos do mundo; é também o lar da terceira maior população de migrantes internacionais em todo o mundo.

      Viver na Alemanha significa liberdade de imprensa e de expressão; aqui ninguém teme o idiota turco.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen