Uwe Johnson


A Biblioteca Central de Düsseldorf oferece-nos todos os anos no Outono um Curso de Literatura rápido de quatro noites, sendo este ano dedicado a um dos grandes nomes da literatura alemã  — o poeta, com o cachimbo na boca: Uwe Johnson.

Quem ainda lê hoje em dia Uwe Johnson?
Estudantes de estudos germânicos ou aficionados da literatura alemã do pós-guerra.

Bem, outros livros de décadas passadas, como O Tambor de Günter Grass, ou Bilhar às nove e meia de Heinrich Böll são lidos, porque a sua leitura é obrigatória. 
Mas Uwe Johnson? 
É bom que a sua obra — única e incomparável — seja lembrada no Curso de Literatura de Outono.

Kommentare

  1. Tenho mesmo que me actualizar em relação à Literatura Alemã...afinal ando por aqui para aprender alguma coisa! :)
    Para o meu Clube do Livro estou a ler "No Café da Juventude Perdida" de Patrick Modiano e já li dele também "Domingos de Agosto".
    Gostei mas não fiquei deslumbrada!
    Este está a parecer-me mais interessante.

    Abraço

    Rosa dos Ventos

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Também queremos ler o Prémio Nobel da Literatura 2014 no Círculo Literário.

      O votei em O Horizonte de 2010.

      Abraço e boas leituras.

      Löschen
  2. Pena não termos cursos como esse por aqui.

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Na Alemanha CULTURA é escrita com letra maiúscula!

      Löschen
  3. ...e por falar em literatura obrigatória, Sophia foi banida do secundário... sabia?
    Ah! e Gunter Grass ilustra o livro (inacabado) de Saramago... sabia?
    Há coisas que talvez não saiba. Não tem mal!
    Eu também não sei quem é esse Uwe Johnson!

    AntwortenLöschen
    Antworten
    1. Sabia que a minha querida Sophia foi banida do secundário!

      Em Outubro quando estive no Porto, estive quase para comprar o livro inacabado de Saramago por causa dos desenhos do Günter Grass!

      LITERATURA é o meu forte, camarada Rogério!

      Löschen
  4. Antworten
    1. Não se esqueça, Pedro, que eu sou uma GRANDE aficionada da literatura alemã.

      Löschen
  5. Antworten
    1. Há 30 anos que ele morreu. Hoje em dia ninguém o lê.

      Löschen

Kommentar veröffentlichen