Não chove. É dia de Natal

Kommentare

  1. Chove. É dia de Natal

    Chove. É dia de Natal.
    Lá para o Norte é melhor:
    Há a neve que faz mal,
    E o frio que ainda é pior.

    E toda a gente é contente
    Porque é dia de o ficar.
    Chove no Natal presente.
    Antes isso que nevar.

    Pois apesar de ser esse
    O Natal da convenção,
    Quando o corpo me arrefece
    Tenho o frio e Natal não.

    Deixo sentir a quem quadra
    E o Natal a quem o fez,
    Pois se escrevo ainda outra quadra
    Fico gelado dos pés.

    Fernando Pessoa

    AntwortenLöschen
  2. Mais um belo poema de Natal!
    Mas parece que amanhã choverá!
    Eu tive um óptimo serão natalício!
    Boas Festas!

    Abraço

    AntwortenLöschen
  3. Que tenha um belo Natal, com ou sem chuva, mas sempre com poesia e amor.

    AntwortenLöschen
  4. Fernando Pessoa sempre em grande estilo! Gostei de reler. (Vim aqui ter pelo Rui da Bica e, se me permitir voltarei. Fröhe Weinachten...

    AntwortenLöschen
  5. Continuação de Festas Felizes, Ematejoca.

    Também gosto muito desse poema Natalício do nosso poeta Fernando Pessoa.
    No ano passado foi esse o "meu" poema eleito para festejar a quadra.

    http://francis-janita.blogspot.pt/2011/12/e-sempre-tempode-acontecer-natal.html#comment-form.

    Desejo que 2013 seja um Bom Ano, Ematejoca, para ti e todos que te são queridos.

    Abraço.

    Janita

    AntwortenLöschen
  6. rsrs... O tempo, aqui pelo Porto, fez questão de contrariar Fernando Pessoa ! :))) ... Sem chuva (no dia), frio não excssivo e sem neve ! :))
    Este ano tive um Natal com Amigos ! Como diz a Janita, "A amizade é um amor que não morre" !
    ... e a Graça fez muito bem em vir a Düsseldorf ! rsrs

    Bjs, Teresa ! :))
    .

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen