O LAR: O LUGAR DA MULHER

Bondy Boy: "Arbeit macht Frau" (O trabalho faz a mulher)

Kommentare

  1. O lugar da mulher, do homem, da criança, da familia.

    AntwortenLöschen
  2. Trata-se de uma exposição no Berghain Berlin.

    Infelizmente, a mulher continua a ser a fada do lar, e mesmo trabalhando fora de casa, ela continua fazer o trabalho caseiro sem a ajuda do marido.

    AntwortenLöschen
  3. Muito estranha a frase e principalmente tratando-se da Alemanha. Será que o "trabalho" a que se refere é o trabalho doméstico ? ... Parece-me uma visão muito machista !
    ... mas é uma triste realidade.
    .

    AntwortenLöschen
  4. "À mulher a casa ao homem a praça"
    Esse titulo hoje é uma desgraça...

    AntwortenLöschen
  5. A emancipação da mulher alemã é uma lenda, meu caro Rui, que um dia hei-de aqui contar.
    Sempre considerei a minha mãe (portuguesa) uma mulher muito mais independente do que a minha sogra (alemã).

    AntwortenLöschen
  6. "Do homem a praça, da mulher a casa." disse o moralista da “Carta de Guia de Casados”, D. Francisco Manuel de Melo que viveu 1608 – 1666.

    O Friedrich von Schiller disse uma frase semelhante, mas também viveu de 1759 a 1805.

    No secúlo XXI, eu digo: "Da mulher a praça e a casa"!!!

    AntwortenLöschen
  7. Os alemães continuam uns machistas insuportáveis. Pelo menos os que eu conheço...

    AntwortenLöschen
  8. Há pelo menos dois maridos alemães que não são machistas: o meu e o da Angela Merkel!!!

    AntwortenLöschen
  9. Bem sei que a frase é um trocadilho sobre o lema nazi, mas mesmo assim também a achei muito infeliz e machista...

    Homens, mulheres, até crianças (considerando o estudo infanto-juvenil, que também não é exactamente para calaceiros), todos temos de trabalhar! Em casa ou fora dela, todos temos as nossas obrigações laborais! Talvez com a excepção de quem já nasceu milionário e mesmo assim não é garantido! :)

    Kisses!

    AntwortenLöschen
  10. Foste tu a única que compreendeu o trocadilho:

    Arbeit macht frei (o trabalho liberta)

    Rudy Marchal, alias Bondy Boy, o autor da fotografia da cortina "Arbeit macht Frau", nasceu 1968 em França e é homossexual.

    "O LAR: O LUGAR DA MULHER" não é o título da exposição em Berlim.
    Só quis provocar e ler a vossa reacção.

    AntwortenLöschen
  11. Ainda há muito quem pense assim.
    Especialmente homens.
    A estupidez é das poucas coisas que não se esgotam.

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen