Passos Coelho viaja amanhã de avião para Bruxelas. Hoje, mandou trocar as cinco reservas na TAP, de executiva para económica

É uma medida populista, mas de aplaudir!

Fonte: Diário Económico

Kommentare

  1. (de aplaudir... e a muita gente, entupir as vias de comunicação...)

    ;)

    AntwortenLöschen
  2. Tu és um maroto, oops!!!

    Como havia lugares disponíveis, a transferência procedeu-se com facilidade. E Passos Coelho cumpre a promessa de, nos voos para a Europa, o Governo utilizar a classe económica. O regresso, hoje à noite, será igualmente realizado em económica.

    AntwortenLöschen
  3. Também aplaudo...de pé:)

    bji, Teresinha.

    AntwortenLöschen
  4. Claro que é de aplaudir! A Assembleia da República e os seus 230 deputados deviam seguir-lhe os passos, que esses são mais que muitos a viajar à nossa custa... :)

    AntwortenLöschen
  5. Consta que todos lhe vão seguir o exemplo. O CEO daquela transportadora já tomou medidas para repor o prejuizo: cortes salariais no pessoal de terra (com o outro não se mete); acabar com essa classe executiva. Como retribuição o PM vai também acabar com tal classe em terra. Passam todos ao salário minimo nacional.

    AntwortenLöschen
  6. Pode ser populista.
    Mas é um bom exemplo.
    Quando os bons exemplos rareiam.
    Com populismos destes passamos todos muito bem.
    Porque é que os governantes não se podem deslocar em económica nas viagens na Europa?

    AntwortenLöschen
  7. Aplaudiria se a medida se estendesse aos voos intercontinentais, e a instalação de membros do governo (PM incluído)e da comitiva de seguranças deixasse de ser em hotéis de cinco e quatro estrelas.
    E, ainda, que o PM e os seus ministros, bem como seguranças, deixassem, em Portugal, de se deslocarem em viaturas topo de gama.
    Passos Coelho quis, também, prescindir da utilização da sala VIP do aeroporto de Lisboa. Disseram-lhe, porém, que tal não era possível, por razões de segurança.
    O que tem a sala VIP a ver com poupanças? Nada, rigorosamente nada. Todos os que já viajámos em executiva, dentro ou fora da Europa, sabemos que nada pagamos pela sala VIP. Aliás Passos Coelho sabe que se viajar em económica não tem direito à sala VIP. Porque disse, então, o que disse? Será que Passos Coelho não se sentiu mal ao utilizar a sala VIP com um bilhete de económica na mão?
    Demagogia e populismo do mais despudorado.
    Utilizando expressão do nosso mais popular e profundo linguajar: Porque não vai PPC dar banho ao cão?
    Recordo, a propósito, que Miguel Portas, do BE, propôs, há não muito tempo, que os eurodeputados passassem a viajar em económica. Caiu-lhe o Carmo e a Trindade em cima, o Parlamento Europe rejeitou a proposta, e o minimo que lhe chamaram foi demagogo.
    Agora, quantas loas a PPC ouço por aí...
    O cinismo e a hipocrisia já romperam a esfera do domínio dos políticos...

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen