A 22 de maio nasceu o meu compositor preferido: Richard Wagner e meu actor preferido: Sir Laurence Olivier

Wilhelm Richard Wagner nasceu a 22 de maio de 1813 em Leipzig, na Saxônia, uma cidade onde já haviam vivido diversos outros artistas de renome, como Bach, Schumann, Mozart, Mendelssohn e Goethe.

Wagner - Tristan und Isolde - Thielemann - 1 - Vorspiel

Sir Laurence Kerr Olivier, Barão Olivier de Brighton, OM nasceu em Dorking, Surrey, 22 de Maio de 1907. — Agraciado com o título de sir em 1947, Laurence Olivier foi um dos mais carismáticos actores do século XX.

Sir Laurence Olivier como Hamlet

Kommentare

  1. Não acredito no que os meus olhos viram! Eu sou fascinada por Wagner, estou traduzindo o libreto do drama musical Tristão e Isolda para o português e fiz uma pesquisa monstro. Li mais de 300 livros sobre os dois amantes desde as suas origens. Fechei, há pouco tempo, o meu Blog TRISTÃO E ISOLDA, porque estou com problemas de saúde, tinha 9 Blogs e já não conseguia dar conta de todos. E o TRISTÃO E ISOLDA já estava com a cota de postagens esgotada. Tenho 10 versões em DVD, 14 em CD. Sou simplesmente apaixonada! A publicação do libreto virá com um Dossiê em que constará toda a minha pesquisa, inclusive sobre Wagner e a sua obra musical e escrita.
    Nossa, amei o seu post. E, ainda por cima, Sir Lawrence Oliver, que também adoro!
    Mesmo acamada, mantenho alguns Blogs. Todos têm no cabeçalho uma ilustração de Tristão e Isolda, exceto um em que publico a minha tradução de Wuthering Heights.
    Venha tomar uma xícara de chá comigo no meu FEMININA:
    http://blogrenatafeminina.blogspot.com
    Ficaria tão feliz!
    É tão difícil encontrar pessoas com os mesmos gostos!
    Pretendo reabrir o TRISTÃO E ISOLDA, mas de maneira que não me esgote tanto, com uma postagem por semana e não pretendo mais publicar a minha pesquisa.
    Vá visitar-me, será um prazer!
    Renata Cordeiro

    AntwortenLöschen
  2. Desculpe_me. NO FEMININA, não há imagem de TRISTÃO E ISOLDA.
    Um abraço,
    Renata Cordeiro
    PS: Gosta dos outros dramas musicais de Wagner? Sou fascinada!

    AntwortenLöschen
  3. Então vou ouvir um pouco das susas composições :)

    AntwortenLöschen
  4. Teresa, não sei se reparaste que há pouco tempo atrás tive o Wagner no artista maldito, transmitiu-me a força de que precisava, na altura. Sempre gostei de Wagner, desde a adolescência e as minha primeiras pinturas, dizem, eram wagnerianas.

    Simplesmente magistral, Laurence Olivier no papel de Hamlet, já sabes que Hamlet eu leio vezes sem conta.

    E agora vou ao meu passeio e cheirar a manhã.

    Beijinhos
    Isabel

    AntwortenLöschen
  5. De Wagner conheço pouco, aliás, até de música em geral, gosto porque gosto, embora mesmo na "onda" do jazz, do rock ou da MPB, muitas vezes nem sei títulos ou o nome dos vocalistas ou bandas que tocam.

    Mas de Laurence Olivier lembro-me lindamente! Não tanto nos clássicos shakespearianos, mas em "Rebecca" com Joan Fontaine, do grande Hitchcock, um dos meus filmes favoritos de sempre, e tantos outros, que assim de repente não recordo os títulos.
    Já morreu há 20 anos? Como o tempo passa...

    Beijinhos e boas músicas, filmes e leituras para o fim de semana!

    AntwortenLöschen
  6. eu amo wagner. recentemente que foi montado todo o anel do nibelungo no brasil. mas só vi as valquírias pq foi em manaus. beijos, pedrita

    AntwortenLöschen
  7. eu tenho vários compositores predilectos e seguramente wagner está nesse restrito grupo... tenho as óperas quase todas dele, faltam-me as anteriores ao Navio Fantasma e talvez em casa as óperas que mais vezes repito sejam as do anel

    AntwortenLöschen
  8. Selbst Shakespeare wurde diese Ehre nicht so schnell zuteilt: Bereits zwei Jahre nach seinem Tod wurde Sir Laurence Olivier in der Westminster Abbey beigesetz.
    Shakespeare bekam erst mehr als 120Jahre nach seinem Tod in der Abtei im Herzen Londons ein Denkmal. Heute würde der große Schauspieler und Regisseur, der "Statthalter Shakespeares auf Erden", 102 Jahre alt.

    AntwortenLöschen

Kommentar veröffentlichen